imagem: Jia Lu, Illuminated

"EM CADA CORAÇÃO HÁ UMA JANELA PARA OUTROS CORAÇÕES.ELES NÃO ESTÃO SEPARADOS,COMO DOIS CORPOS;MAS,ASSIM COMO DUAS LÂMPADAS QUE NÃO ESTÃO JUNTAS,SUA LUZ SE UNE NUM SÓ FEIXE."

(Jalaluddin Rumi)

A MULHER DESPERTADA PARA SUA DEUSA INTERIOR,CAMINHA SERENAMENTE ENTRE A DOR E AS VERDADES DA ALMA,CONSCIENTE DA META ESTABELECIDA E DA PLENITUDE A SER ALCANÇADA.

BLOG COM MEUS POEMAS:

http://desombrasedeluzanna-paim.blogspot.com/



sábado, 30 de maio de 2009

MATRIZ



Nem todas as dores
Podem ser cortadas com a lâmina
Nem todos os amores
Se incendeiam com paixão
Nem todos os pecados
São julgados na justiça dos homens
Nem todos os fados
Permanecem no giro da Roda
Nem toda chuva
Pode lavar a Alma
Nem toda estrada é curva
Nem todo espelho mostra a Verdade
Nem toda imagem faz milagres...
Mas toda dor,toda lâmina
Todo amor,toda paixão
Todo pecado,toda justiça
Todo fado,toda estrada
Todo espelho,toda verdade
Toda imagem,todo milagre
São segredos guardados
Pelo exército dos anjos
Na mente do Homem
Nas mãos de Deus
E no colo da Mãe Divina
Ventre da Criação
Matriz da Mente
Matriz de Sóis
Do Homem
Dos Anjos
E de Deus...

Anna Geralda Vervloet Paim
Porto Alegre,29/05/2009

3 comentários:

Hammelinn disse...

Muy linda esta publicaciòn amiga !!!

me gustò mucho

un beso grande desde MONTEVIDEO ...

fEDE

vera angela disse...

amei seu blog esta de encontro ao que sigo,amei te conhecer,bkjs

Anônimo disse...

amei seu blog,esta de encontro a tudo que penso e tento fazer!bjs